sexta-feira, 14 de maio de 2010


O ano letivo de 2010, comparado a um jogo de futebol, está no início do 2º tempo.

O estudante que no início do ano, nos dois primeiros bimestres, conseguiu boa média, não deve ter encontrado dificuldades para concluir o ano com o boletim no azul.
Listo a seguir algumas dicas para um bom rendimento no ano de 2010.
1 - UMA NOTA ALTA, ENTRE 8 E 10 LOGO NA PRIMEIRA PROVA BIMESTRAL É UMA BOA GARANTIA DE FIM DE ANO FELIZ. Não é difícil marcar um notão na primeira prova do ano. Diretor, professores, coordenadores, enfim, tá todo mundo ainda de ressaca das festas de fim de ano e principalmente CARNAVAL. A quantidade de assuntos a serem abordados na primeira prova é sempre reduzida. Muitos são os fatores que contribuem para o caos nesse momento inicial: Os coordenadores ainda estão ajustando grades de tempo de aula, professor que sai do colégio porque passou em concurso público, professores assumindo turmas novas, adaptação professor x turma e vice-versa, enfim, o terreno está fértil para se tirar boa nota logo na primeira prova. No início do ano as revisões são inevitáveis e esse é outro argumento para a boa nota logo no início do primeiro tempo dessa partida que vai durar praticamente 1 ano. O professor é praticamente forçado a revisões antes de introduzir matéria nova. Essa revisão é inevitável. Por mais experiente que seja, o professor não conseguirá introduzir assunto novo sem que os alunos tenham base pra isso. Portanto, a primeira prova surge com uma oportunidade única para colorir de azul o boletim.
2 - NÃO DEIXE ACUMULAR DÚVIDAS NEM QUESTÕES SEM SEREM RESOLVIDAS. "Alguma dúvida?" Essa pergunta, geralmente, tem como resposta o silêncio dos que compreenderam e a omissão daqueles que não conseguiram acompanhar a explicação. Não se esconda atrás da dúvida, fale: "Professor! Não entendi!". Afinal o ensino é um produto e voce está comprando! E como consumidor voce tem o direito de ser esclarecido. Um ano de estudo e principalmente 12 mensalidades de valor x, estão em jogo nesse momento!! Procure demonstrar interesse na aula e se a segunda explicação ficar mais enrolada que a primeira, então meu caro, terás que procurar uma outra forma para a compreensão do assunto. É bom não estressar o professor. Dois períodos por dia de aula para administrar um assunto, não dá ao professor a condição necessária para cumprir em tempo hábil a explicação do conceito e resoluções dos exercícios propostos. Os exercícios propostos em apostilas ou até mesmo em livros, estão lá para serem resolvidos e comentados. Faça-os. Não deixe nenhum exercício em branco. Se não puder ter aulas particulares, pelo menos obtenha o gabarito comentado dos seus exercícios. (Veja como em http://www.gabaritocerto.com.br/FOLDER6.doc)
3 - EXIJA A EXPLICAÇÃO E A CORREÇÃO EXPLICADA DE CADA EXERCÍCIO OU QUESTÃO PROPOSTA NA APOSTILA OU NO LIVRO ADOTADO. Após uma explicação de conceito ou teoria, o professor ministra alguns exercícios, em listas ou os encartados no livro adotado para a disciplina. Em alguns casos o professor utiliza esses exercícios como modelo para as questões da prova bimestral. A resolução comentada e explicada desses exercícios garantirá, com absoluta certeza, uma boa nota.
4 - A SEGUNDA PROVA BIMESTRAL JÁ TERÁ ASSUNTO NOVO. A matéria nova é inserida já na segunda prova. O entendimento de assuntos anteriores é condição para se ter um bom entendimento dos novos assuntos a serem abordados. A atenção e a fixação dos novos assuntos é a chave para se ter uma boa média.
5 - APROVEITE AS FÉRIAS DE MEIO ANO PARA REFORÇAR OS NOVOS ASSUNTOS MINISTRADOS E ACUMULAR PONTOS PARA A RETA FINAL. As férias de junho/julho e alguns casos em Agosto, que na verdade em alguns estabelecimentos de ensino é um período curto de 15 dias, servirá para o aluno previdente, de um bom momento para reforçar os assuntos apreendidos no segundo bimestre. O aluno que aproveitar pelo menos 1 hora por dia para reforçar e compreender os assuntos ministrados em aula, tem grande chance de conseguir notão já no terceiro bimestre.
6 - NO QUARTO BIMESTRE O BICHO PEGA. Nesse ponto o aluno já sabe se tá ferrado ou não. Quem fez o dever de casa durante o ano, chega até aqui tranquilo. Agora, quem não fez....é pranto e ranger de dentes. Sou professor particular há muitos anos e minha média de atendimentos é altíssima no mês de dezembro. Muitos desses alunos chegam com poucas dúvidas, precisando de poucos pontos para passar de ano. Todavia, atendo alunos que nada sabem! Alunos que semearam silêncio e no fim colhem a agonia de ver o ano perdido.
7 - A ATUAÇÃO DOS PAIS É MUITO IMPORTANTE. É importante que os pais acompanhem de perto o desenvolvimento dos filhos na escola. A orientação dos pais é fundamental no processo da aprendizagem. O pai não precisa ser professor nem PHD para ajudar o filho nos estudos. Pequenas atitudes garantirão o aproveitamento final no processo. Pergunte se há algum ponto ou assunto que eles não compreenderam bem. Se há algum exercício proposto ou trabalho a ser realizado. Nos dias de hoje a internet é uma excelente ferramenta de pesquisa. Incentive.

Nenhum comentário: